sexta-feira, novembro 11, 2005

Visitantes

Dizem que eles estão vindo
Dizem que se escondem entre nós
Que aqui estão para tomar tudo o que possuímos
Será Verdade?
Eles têm um pacto com nossos semelhantes
Dizem que nos escondem a verdade
Que logo saberemos, mas será tarde
Que tomarão o que é nosso.
Será verdade?
De suas casas desceram
E quanto mais descerão?
Para viver em nossas casas?

quinta-feira, novembro 10, 2005

Quem

O som do vento não permitia sequer uma palavra
Quietos ficaram quando o grande dia chegou
Quem partiu um dia antes voltou para presenciar aquele momento
As palavras não teriam sentido
Não saberiam falar daquela aparição
Eram muitos os que observavam
Poucos os que não se entreolhavam
Não havia quem fosse embora.Ficaram ali
Com um espanto que os paralizava
As luzes eram belas e intrigantes
Azuis
Vermelhas
Verdes
Cores vivas
Cores da vida
Talvez da morte
O que se aproximava com tanta euforia?
De onde vinham as cores, os brilhos, o vento?
Seria certo fugir? Correr?
Ficaram parados.